Cante o cântico do Senhor

Shalom galera!

Ontem eu li um artigo que me edificou e encorajou muito, e resolvi traduzí-lo e postá-lo aqui. Quem escreveu esse artigo foi um dos grandes líderes de adoração mundial, Don Moen.

Espero que você também seja tão encorajado e abençoado como eu!

Ultimamente, tenho pensado muito sobre o Salmo 137, e em particular o versículo 4. “Como podemos cantar o cântico do Senhor em terra estrangeira?” Nos últimos três anos, eu me encontrei em uma “terra estrangeira”. Eu não estou falando de uma localização geográfica. Vivemos em Nashville e amo esta cidade, mas em dezembro de 2007 eu deixei tudo o que era confortável e familiar e optei por seguir levando Deus em meu coração para prosseguir com meu chamado como um líder de louvor e compositor em vez de continuar o meu papel como um executivo da música com a Integrity Music. Esta decisão não foi fácil, e fui mal interpretado por muitos. Amigos que freqüentavam a minha casa regularmente não me ligaram mais e eu me vi de frente para a solidão e o medo como nunca antes. Eu não tinha estado neste lugar antes e percebi que estava em águas desconhecidas. Como é que eu ia navegar por águas que eu não tinha navegado antes? Eu perdi o meu desejo de cantar e compor. Meu coração estava pesado e eu lutei com a depressão e desânimo, porque eu estava ampliando meus problemas ao invés de ampliar o único que pode resolvê-los.

Ironicamente, durante este tempo, eu comecei um programa de rádio semanal chamado “Don Moen & Friends”, com o objetivo de trazer “a esperança, conforto e encorajamento” para as pessoas! Eu começava o programa com “Oi, eu sou Don Moen e bem-vindo ao Don Moen & Friends”, com uma voz alegre, sentindo-me como o maior hipócrita do mundo! Lá estava eu, um apresentador de rádio, tentando compartilhar histórias de esperança, conforto e encorajamento com as pessoas ao redor do mundo, dizendo-lhes: “Deus fará um caminho onde não há caminho”, e eu provavelmente precisava ouvir mais do que ninguém! Olhando para trás, esses meses, eu acredito que Deus me colocou para fazer este programa porque Ele sabia que eu precisava de esperança, conforto e incentivo mais do que meus ouvintes! É verdade que no processo de incentivar outras pessoas, eu era incentivado. Davi, o salmista, teve que encorajar-se no Senhor também. No Salmo 42:11, Davi disse: “Por que você está desanimada, minha alma? Por que estás tão inquieta? Ponha a sua esperança em Deus, porque eu ainda vou louvá-Lo. Ele é meu Salvador e meu Deus. ” Davi tinha que falar consigo mesmo e encorajar-se no Senhor, e muitas vezes temos que fazer o mesmo.

Talvez você encontrou-se em território desconhecido, de repente, devido a uma tempestade repentina que veio na forma de um diagnóstico médico, uma crise financeira, um divórcio ou a morte de um ente querido. Meu amigo, eu quero encorajá-lo hoje a perseverar. Não desista. Há uma saída! Em Isaías 42:1 b-3-Deus nos diz: “Não tenhais medo, eu te remi, chamei pelo nome, és meu. Quando você passar pelas águas, Eu estarei com você, e pelos rios, eles não te submergirão. Quando você andar através do fogo, você não será queimado, nem a chama arderá em ti. Porque eu sou o Senhor teu Deus, o Santo de Israel, seu Salvador. ” Isaías 43:19 nos diz: “Deus vai fazer uma estrada no deserto e um rio no deserto.” A realidade de sua situação pode parecer sem esperança, mas a “finalidade” é na palavra de Deus. A palavra de Deus te chama “mais do que vencedor”. (Romanos 8:37) Deus disse em Sua Palavra: “Eu sou o Deus que te sara” (Êxodo 15:26) e no Salmo 107:20, “Enviou a sua palavra e os curou .” 2 Coríntios 9:8 nos diz que “Deus é capaz de fazer toda a graça abundar para você… sempre tendo toda a suficiência em todas as coisas, você tem uma abundância para toda boa obra.” Estas são apenas algumas das passagens que me sustentou durante este tempo muito difícil. Repeti estas promessas centenas de vezes durante minha viagem por águas desconhecidas.

Eu acho que o ponto de viragem no Salmo 137 é para lembrar a fidelidade de Deus. (Vs. 5-6) Às vezes você tem de olhar para trás para ir em frente. Lembre-se da misericórdia de Deus, Sua graça, Sua fidelidade e Seu amor incondicional. Lembre-se do que Ele fez na cruz por você. Ele amou você quando você era muito desprezível. Lembre-se dos tempos que Ele providenciou para você, te curou, consolou, fortaleceu e sustentou. Ele ainda é o mesmo Deus. Ele não mudou. O que Ele fez por você antes, Ele pode e vai fazer de novo. Mantenha os olhos sobre Ele, mantenha Suas promessas diante de você, e agradeça-O…. Antecipadamente… pelo que Ele está prestes a fazer! Ele vai acalmar a tempestade e trazê-lo para o seu porto desejado. (Salmo 107:29-30)

Para a Sua Glória,
Don

http://www.donmoenandfriends.org/

Juras Eternas…

 

 

friendship

 

Shalom galera!

É incrível o nível de desonra e ingratidão que se vê nos relacionamentos, principalmente na amizade. É lamentável ver como as pessoas se desfazem das outras como se fossem descartáveis, pior e mais doloroso é sentir isso na própria pele, como por exemplo eu senti. E o ininteligível disso tudo é como essas pessoas conseguem não ver e não sentir o que estão fazendo, ou seja, machucar os outros.

Bem, mas nenhum de nós estamos livres de ser atingidos pela ingratidão, pela desconsideração por parte de pessoas que dizem que são nossos amigos e que fazem “juras eternas” de amizade, de “conte comigo pra o que der e vier”. Agora enquanto escrevo este artigo, me veio um entendimento que fez um grande sentido pra mim: A verdadeira jura eterna não está apenas em belas palavras, mas está na FIDELIDADE. Nossa! Como isso mexeu comigo agora!

Acabei de pesquisar aqui o significado de FIDELIDADE, que quer dizer qualidade de fiel; lealdade; constância, firmeza, nas afeições, nos sentimentos; perseverança. Uau! Que tremendo! É exatamente disso que eu falava, constância nas afeições e sentimentos, perseverança. E é uma tristeza ver a ausência dessa constância, dessa perseverança. E hoje eu tive uma pequena decepção, e me entristeci justamente por conta de que eu acreditava e esperava pelo menos a consideração da pessoa. Uma pena. Mas Deus é tão maravilhoso, que não deixou que meu coração se abatesse por muito tempo. Mais ou menos 1 hora após essa decepção eu estava ouvindo o novo cd do Fernandinho, “Uma Nova História”, e entrou a canção “Ainda Que a Figueira”, eu estava distraído com as músicas, e num determinado momento um verso saltou aos meus ouvidos: “Mesmo que os meus pais me deixem, mesmo que amigos me traiam, eu sei que em Seus braços eu encontro salvação”. Aleluia! Deus é imutável, fidelidade Ele não nega, é a essência de Seu caráter. Nossa! Mas como eu me alegrei, e foi uma alegria ultra do céu. Obrigado, Senhor. Tu és lindooooooooooooooooooo! Eu amo o Senhor. Quando pensamos na grandeza e fidelidade do Deus que servimos e adoramos, é fantástico e não tem como não amá-Lo.

Agradeço a Deus porque mesmo com pessoas sendo ingratas comigo, não considerando, eu ainda as amo e as quero bem. Mas também tenho provado fidelidade, tenho vivido isso. Tenho pessoas, amigos na minha vida que sei que virão de longe na hora, se eu precisar deles. Isso é gratificante. Sou privilegiado. Aleluia!

Com tudo isso, eu também gostaria que você pensasse no seu nível de fidelidade com Deus, porque Ele é imutável. E Sua Palavra diz em 2 Timóteo 2:13, “Se formos infiéis, ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo”. Aleluia! Fidelidade faz parte da essência de Deus.

Espero ter abençoado você com essa palavra. E quero disponibilizar pra você o vídeo com a música do Fernandinho, “Ainda Que a Figueira”.

Um forte abraço!

======================================================================

Tu és a minha porção
Tu és a minha herança
Tu és o meu socorro
Nos dias de tribulação

Mesmo que os meus pais me deixem
Mesmo que amigos me traiam
Eu sei que em Seus braços eu encontro salvação

Ainda que a figueira não floresça
Ainda que a videira não dê o seu fruto
Mesmo que não haja alimento nos campos
Eu me alegrarei em Ti