Dia 4 – POR AMOR DE NOSSA NAÇÃO

“Façam orações pelos reis e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranqüila e pacífica, com toda a piedade e dignidade.”
1 Timóteo 2:2

Quando Paulo escreveu sua primeira carta a Timóteo, o imperador Nero estava governando o Império Romano com um punho de ferro. Nero odiava os cristãos e os perseguiu com uma vingança. Por causa de Nero, inúmeros cristãos morreram de formas extremamente brutais. No entanto, foi neste contexto histórico que Paulo disse a Timóteo para orar “pelos reis e por todos os que exercem autoridade, para que tenhamos uma vida tranqüila e pacífica, com toda a piedade e dignidade.” (1 Timóteo 2:2). Ao dizer a Timóteo para orar por aqueles que têm autoridade, Paulo estava, em essência, ecoando a ordem de Cristo de “amar seus inimigos! Orai pelos que vos perseguem” (Mateus 5:44). Se alguém tinha alguma desculpa para não orar por sua liderança, esse alguém eram os cristãos que viviam sob o governo de Nero; Paulo ainda deixou claro que eles deveriam interceder por aqueles que têm autoridade, independentemente deles serem injustos ou benevolentes.
Felizmente, nós, como americanos nunca experimentamos a tirania de um líder como Nero. Mas, infelizmente, muitos de nós somos muito mais propensos a apontar dedos de acusação para os nossos governantes do que a orar por eles. Como discípulos de Jesus, devemos nos guardar contra esse tipo de comportamento, e erguer nossa nação e os líderes em oração diante do Senhor. Devemos orar por eles pelo bem do nosso país, que está em uma encruzilhada crítica. Temos leis legalizando o aborto, a sociedade está profundamente infectada com a doença do materialismo; e muitos adoram celebridades ao invés de Deus. Nosso país precisa desesperadamente acordar e voltar para o Senhor.
Em 2 Crônicas 7:14, Deus fez uma promessa à nação de Israel que podemos tomar para nós mesmos: “Se meu povo que se chama pelo meu nome, se humilhar e orar, e buscar a minha face e se converter dos seus maus caminhos, então eu ouvirei dos céus, perdoarei os seus pecados e sararei a sua terra.” Como povo de Deus, devemos buscar Sua face e orar para que os corações dos americanos se voltem para Ele, e devemos orar para que nossos líderes tomem decisões piedosas enquanto eles governam o nosso país. Devemos também orar pelos nossos líderes, porque no fundo, eles precisam de Jesus assim como você e como eu. Quando um líder toma uma decisão medíocre ou até mesmo pecaminosa, certamente podemos discordar deles, mas nunca devemos esquecer que Deus os ama.
Paulo provavelmente sabia disso melhor que ninguém. Assim como Nero, ele usou de perseguição e assassinato aos cristãos. Ainda assim, Deus amou e resgatou Paulo. Devido a isso, Paulo compreendeu que, já que Deus o amava enquanto ele ainda era um pecador, Deus poderia também amar Nero. Quando você orar por seus líderes, lembre-se que você está orando por pessoas as quais Deus deseja um relacionamento. Deus se importa profundamente com eles e quer “que todos os homens sejam salvos e cheguem ao conhecimento da verdade” (1 Timóteo 2:4).
Como americanos, é tempo de orar. É tempo de orar para que nossa nação se volte para o Senhor. É tempo de orar para que nossos líderes tomem decisões sábias. Devemos também orar pelos nossos líderes, que já são crentes e por suas famílias. Eles precisam do nosso apoio à medida que seguem a direção de Deus em um momento em que é especialmente impopular para fazê-lo. Igualmente importante, é tempo de orar por aqueles que têm autoridade, que ainda não conhece o amor de Deus , para que venham a experimentá-lo em suas próprias vidas. Quando isso acontece, nossos líderes vão tomar decisões sábias, porque eles serão conectados à própria fonte de sabedoria!

“Oremos, com mais fervor do que já oramos, por um derramamento histórico do Espírito Santo sobre nós, a Sua Igreja… uma cachoeira da graça de Deus e amor sem fim; que nos levará a agir com coragem, caminhar com integridade, e permanecer na unidade para a renovação da nossa cultura e da restauração da nossa nação, uma nação, debaixo do governo de Deus, indivisível, com liberdade e justiça para todos.” James Robison & Jay Richards

ORAÇÃO
Senhor, a nossa nação precisa de Ti agora. Eu oro para que não voltemos as costas para Ti, mas que nós nos voltemos completamente para Ti. Também apresento a Ti os nossos líderes local e nacaional. Eu oro para que eles venham a Te conhever pessoalmente, e que o Senhor os guie enquanto eles tomam as decisões. Em nome de Jesus, amém.

ATIVAÇÃO
Faça uma lista de funcionários do governo que estão em autoridade sobre você, de autoridades locais por todo o caminho até o presidente. Passe algum tempo com foco em cada nome e orando por eles.
Ore pelos corações dos brasileiros. Ore para que possamos retornar para o Senhor, elegendo autoridades que tomarão decisões divinas.

Para um estudo mais aprofundado: 2 Crônicas 7:14-15, Mateus 5:43-48, 1 Timóteo 2:2-4.

Anúncios

2 respostas em “Dia 4 – POR AMOR DE NOSSA NAÇÃO

    • Glória a Deus!
      Brigaduuu Tiago! Fico muito feliz por isso! Anote mesmo, anote tudo o q o Espírito Santo falar com vc!
      Meu desejo é q cada dia o Senhor ministre ao seu coração, te atraia mais pra Ele e mude o seu mundo!
      Abraço!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s